Estilo Belgian Pale Ale

Conheça o surpreendente estilo de cerveja Belgian Pale Ale

É bem provável que o estilo Belgian Pale Ale tenha surgido em algum momento em meados dos anos 1700. Entretanto, seria necessária a crescente popularidade das “cervejas leves” alemãs para que essa Pale Ale realmente se destacasse.

Publicidade

O final dos anos de 1800 viu a tecnologia de refrigeração recém-criada entrar em uso rotineiro e, com ela, veio a capacidade de preparar e armazenar cervejas em praticamente qualquer lugar.

A partir disso, a produção de cerveja pelas cervejarias não estava mais presa às caves, nem às estações do ano. Essa liberdade repentina provocou uma mudança no cotidiano cervejeiro europeu, com a disseminação e a popularização imediata das “novas” cervejas alemãs, leves e sofisticadas, e das Pilsners tchecas crocantes. Os cervejeiros belgas não poderiam deixar passar essa onda de mudança que acontecia no mundo cervejeiro.

O surgimento do estilo Belgian Pale Ale

Cerveja Belgian Pale Ale
Crédito: Canva Pro

Para combater essa popularidade das cervejas alemães e tchecas, eles reformularam suas receitas. Para isso, buscaram inspiração na experiência com cervejas britânicas e, curiosamente, usaram os mesmos ingredientes da ameaça invasora.

Os cervejeiros belgas passaram a utilizar maltes claros e muito do mesmo lúpulo nobre usado nas refrescantes cervejas Pilsners. Porém, a levedura permaneceu, ainda, toda sendo belga, criando uma Ale de cor clara, com baixo perfil de lúpulo, notas de ésteres de pêra e laranja, e fenóis picantes.

Publicidade

O que eles conseguiram foi uma cerveja de sessão, isto é, uma “cerveja comum”, igual à Pilsner, mas com uma própria e muito distinta característica belga.

O estilo se consolidou um pouco depois da Segunda Guerra Mundial. Era uma versão de uma Pale Ale que apresentava um perfil de malte leve, mas presente. Além disso, é perceptível o manuseio suave de lúpulos (muitas vezes usando lúpulos envelhecidos), álcool pouco perceptível, algum amargor e, claro, as frutas e especiaria características de uma cerveja belga.

As cervejas do estilo Begian Pale Ale possuem uma graduação alcoólica entre 4,8% e 5,5%. Sua cor é acobreada e possui um corpo médio-baixo. Seu sabor é um pouco frutado, com malte equilibrado, lembrando notas de biscoito de mel. Com uma boa formação de espuma, é uma ótima opção de cerveja leve e refrescante.

Compartilhe

Veja mais

« Voltar para a página inicial

Publicidade