Beber cerveja pode não engordar

Estudo divulgado na Itália mostra que cerveja pode não engordar

Um estudo divulgado recentemente na Itália pela Associação Italiana de Malte e Cervejeiros (sigla AssoBirra em italiano), traz uma boa notícia para quem gosta de beber cerveja de forma moderada e não quer engordar. A entidade representa as empresas cervejeiras que operam na Itália.

Publicidade

Segundo esse estudo, a cerveja sozinha pode não engordar, desde que seja consumida sem exagero. Aliás, o estudo que está tendo grande repercussão pelo mundo, coloca que o consumo equilibrado da cerveja pode até trazer alguns benefícios para a saúde.

“O consumo moderado no contexto de uma alimentação correta e equilibrada, como a mediterrânea, torna a cerveja perfeita para acompanhar a comida”, relata a investigação conduzida pela associação italiana de cervejeiros

Os pesquisadores destacaram que a bebida é composta por cerca de 90% de água, tendo assim, propriedades que hidratam o corpo. Além disso, a cerveja conta com a presença de alguns minerais importantes para o corpo, com potássio, magnésio. Além desses minerais, é possível encontrar microelementos como zinco, selênio e vitaminas hidrossolúveis.

Ainda segundo a divulgação, a presença de fibra e um pouco de álcool traz benefícios para o organismo. Os estudiosos ainda citam o fato de que um copo de cerveja tem, em média, apenas 85Kcal. Desse modo, concluem, a cerveja “fornece ao nosso corpo substâncias úteis, nutritivas e energéticas”.

Publicidade

A Organização Mundial da Saúde (OMS), orienta que mulheres não devem beber mais do que 350ml de cerveja por dia, ou o equivalente a uma lata, e que os homens limitem o consumo a 700ml de cerveja ao dia, o que equivale a duas latas de cerveja. O consumo além desses valores pode, segunda a OMS, ser um fator de risco para o corpo humano.

Compartilhe

Gostou? Então, compartilhe com todo mundo que você conhece.

Veja também

Voltar para a página inicial