Cerveja Guinness

Cerveja Guinness será fabricada na Argentina

A cerveja Guinness começará a fabricar suas cervejas na Argentina. A marca da Irlanda que tem mais de 250 anos de tradição na produção da cerveja, já é produzida em 49 países, e é vendida em mais de 150 países.

A Guinness já possui fábricas na América Central, na África e, mais recentemente, nos Estados Unidos. Contudo, essa será a primeira fábrica na América do Sul. A maior parte da produção ainda é concentrada na Europa.

Cerveja Guinness
Cerveja Guinness (Crédito: Dmitry Limonov/Unsplash)

Por ora, apenas um das cervejas da Guinness terá produção local – a Guinness Extra Stout. Ela será produzida na cervejaria Rabieta, localizada na cidade de Pilar, em Buenos Aires (capital da Argentina).

Já no ano que vem – ainda não definido em que momento de 2022 -, começará a produzir localmente, também, a cerveja House 13 Lager da marca. Essa produção inicialmente será para atender a bares locais e, em seguida, suprir as gôndolas dos supermercados.

Além disso, será incorporada outra versão da cerveja irlandesa. Mas essa será importada. Assim, haverá uma mescla de cervejas da Guinness produzidas localmente e em outros países.

No futuro, a cerveja Guinness planeja exportar sua produção para os principais mercados da América Latina. O Brasil tem destaque no cenário mundial, já que é um dos maiores mercados consumidores de cerveja.

Veja Também:


Expectativa de alto crescimento nas vendas da cerveja Guinness

Inicialmente, foram produzidos 100 mil litros da bebida. As expectativas são de que a produção cresça na casa dos dois dígitos no próximo ano.

As cervejas tem uma parcela significativa da indústria local de bebidas alcoólicas. Isto é, representam, aproximadamente, 64,5% do setor. A marca vem para se posicionar no segmento premium, que é o que mais cresce no país dos hermanos.

O produto produzido lá passará pelo rígido controle da matriz, a fim de garantir os rigorosos padrões de qualidade que a marca exige.

A receita das cervejas Guinness vem desde o ano de 1821, quando seu fundador, Arthur Guinness, definiu os padrões para a elaboração da sua cerveja do tipo porter.

Gostou? Então compartilhe com seus amigos essa notícia:

Rolar para cima