Cerveja de garrafa ou em lata

Cerveja de garrafa ou em lata: qual a melhor?

Essa é, certamente, uma dúvida muito comum. E muito comum, também, é opinar que gosta da cerveja de garrafa ou em lata, mas sem saber muito bem o porquê.

Publicidade

Para começar, a embalagem – seja ela lata ou garrafa –, são envasadas com o mesmo líquido. As cervejarias não destinam um tanque específico para produzir cerveja para um tipo específico de embalagem.

Dito isso, vamos esclarecer alguns pontos que podem, ou não, provocar a diferença no sabor, cor ou aroma entre a cerveja que está armazenada em lata e a que está armazenada em garrafa.

O tempo de armazenagem faz diferença?

Estoque de cerveja

Faz sim. Imagine que em determinado dia, uma cervejaria produziu vários litros de sua cerveja. E ela optou por armazenar uma metade dessa produção em latas e a outra metade em garrafas. Se, no dia seguinte, você experimentar uma dessas latas e uma dessas garrafas, dificilmente você perceberá alguma diferença.

Entretanto, há uma sutil diferença entre elas, que é a pressão do gás carbônico. A pressão que é colocada em uma lata e em uma garrafa é diferente. Isso pode deixar a bebida um pouco mais carbonatada – alguns chamam isso de “picância”.

Publicidade

Agora, se você experimentasse a mesma lata e a mesma garrafa alguns meses depois de envasadas, pode ser que perceba alguma diferença. Você já chegou em um supermercado e deu um leve apertada na latinha e percebeu que ela não está tão “durinha”? Isso é porque a lata possui microporos que a gente não vê a “olho nu”. O líquido, é claro, não vaza por eles, mas acaba permitindo que o gás carbônico escape com o passar do tempo. É por isso que a validade da lata é menor que a da garrafa.

A luz pode alterar o sabor da cerveja?

A resposta é: “– Sim!”. E quando falamos de uma cerveja mais aromática, isto é, uma cerveja com mais dry hopping, é preciso que essa cerveja seja muito bem preservada ao abrigo da luz. A luminosidade provoca uma alteração no aroma que o lúpulo dá à bebida.

Quem protege mais da interferência da luz: cerveja de garrafa ou em lata ?

A lata protege melhor. E a luz, quando entra em contato com líquido, interage com o lúpulo, como falado anteriormente. Isso acaba provocando um off-flavors, isto é, um defeito chamado lightstruck.

É mais normal acontecer com garrafas mais claras ou verdes. Mas, mesmo no caso das garrafas de cor âmbar, ainda assim, há uma passagem de luz, mesmo que pequena.

Garrafas de cerveja

No caso das cervejas que tem um aroma mais lupulado, como as cervejas dos estilos IPA, Double IPA ou Imperial IPA, por exemplo, as embalagens em lata tendem a conservar melhor o aroma.

Publicidade

A forma de transporte e armazenagem interfere?

Sim, interfere. Numa lata, a bebida não fica em contato direto com o metal. Elas são revestidas por dentro com um verniz protetor, para evitar esse contato. No entanto, dependendo de como ela foi transportada e estocada, a lata pode sofrer pequenos amassados. Com isso, o líquido acaba entrando em contato com o metal, passado o gosto da lata para a cerveja.

Um outro ponto é o calor. A bebida, independentemente da embalagem pode sofrer algum tipo de alteração se não for armazenada na temperatura correta.

É melhor cerveja de garrafa ou em lata?

Então, quando perguntarem se é a cerveja em lata é melhor que a cerveja de garrafa, ou vice-versa, explique o que você viu aqui: depende do tempo que essa cerveja foi produzida, se ficou exposta a fontes de luz ou calor, e a forma como foi armazenada.

Esses assuntos também podem interessar

Voltar para a página inicial