Estilos de cerveja artesanal

Os estilos mais “populares” de cerveja artesanal

O mundo da cerveja artesanal possui os mais variados estilos, para os mais variados consumidores da bebida. Há mais de 150 estilos catalogados.

Publicidade

Mas, antes de falarmos dos estilos propriamente dito, vamos conceituar, de forma resumida, as duas principais famílias das cervejas:

  • Ale: são as cervejas que têm alta fermentação. São produzidas utilizando a levedura Saccharomyces Cerevisiae. Elas trabalham em temperaturas mais altas e na parte de cima do tanque.
  • Lager: são as cervejas consideradas de baixa fermentação. Utilizam a levedura Saccharomyces Pastorianus, que atua no fundo do tanque. Sua fermentação ocorre em temperaturas mais baixas.

Nas famílias, situam-se os estilos das cervejas artesanais. Os estilos se diferenciam um do outro pelas suas características como cor, sabor, aroma, teor alcoólico e amargor, por exemplo. Além disso, as matérias-primas utilizadas e as técnicas de produção também fazem parte da identidade de um estilo cervejeiro.

Cervejas do estilo Pilsen

Ainda podemos agrupar os estilos de cerveja artesanal pelas quatro escolas cervejeiras: Alemã, Belga, Inglesa e Americana.

Veja também: Conheça as principais escolas cervejeiras do mundo

Publicidade

Mesmo já tendo sido criados vários estilos ao longo dos séculos, ainda assim, novos estilos continuam surgindo na cervejaria artesanal. Portanto, vamos ver os 5 estilos mais populares.

5 estilos populares de cerveja artesanal

Bohemian Pilsner

Foi criada na cidade de Plzeň, na República Checa, em 1842. É a popular cerveja “Pilsen” chamada aqui no Brasil. Sua cor é dourada e brilhante. Da mesma forma, é muito refrescante, ideal para os dias quentes.

A primeira cerveja desse estilo – a Pilsner Urquell – é produzida até os dias de hoje. Você encontra um artigo detalhado sobre esse estilo nesse link aqui.

IPA – India Pale Ale

Estilo India Pale Ale

Esse é um estilo criado pelos ingleses para resolver o problema das cervejas que estragavam nas viagens para a Índia (que era colônia inglesa). Se você quiser saber tudo sobre a incrível história desse estilo do caminho das Índias, dá uma olhada nesse link aqui.

A cerveja desse estilo possui mais lúpulo, o que lhe confere sabor e aroma mais fortes. Seu teor alcoólico também é maior do que o de uma Pilsen, por exemplo.

Publicidade

Abaixo, temos algumas cervejas representantes desse estilo:

  • Alles Blau Pilsner
  • Weihenstephaner Pils
  • Campinas Pilsen

Weiss

Esse estilo é originário da região da Baviera, no sul da Alemanha. É também conhecido como Weissbier ou Weizenbier. São cervejas produzidas, tipicamente, com o trigo.

É uma cerveja clara e refrescante, produzindo uma boa quantidade de espuma (alta carbonatação). Ele tem um final seco, porém com uma sensação “aveludada” no paladar. Seu aroma lembra banana e cravo. Você pode ver mais detalhes nesse outro artigo: Weiss, um estilo de cerveja refrescante.

Abaixo, temos algumas cervejas representantes desse estilo:

  • Alles Blau Weizenbier
  • Erdinger Weissbier
  • Leopoldina Weissbier

Witbier

As cervejas do estilo Witbier são claras. O termo “wit” significa branco e “bier”, cerveja. Esse estilo belga é muito apreciado no verão da Bélgica. É muito comum o uso de especiarias, principalmente sementes de coentro e cascas de laranja.

Publicidade

Abaixo, temos algumas cervejas representantes desse estilo:

  • Paulistânia Laralima
  • Steudel Orange Shark Witbier
  • Bodebrown Blanche De Curitiba

Red Ale

Estilo Red Ale

Sua principal característica de um Red Ale é o tom avermelhado da sua cor. Possui um aroma que remete ao caramelo e malte tostado. O sabor é de malte caramelado, com um tostado amanteigado. O amargor tende a ser médio-baixo.

Abaixo, temos algumas cervejas representantes desse estilo:

  • Denver Red Ale
  • Stannis Red Sonja Irish Red Ale
  • Way Beer Red Ale

Gostou? Então compartilhe com seus amigos que gostam de cerveja.

Outras postagens interessantes

« Voltar para a página inicial

Publicidade