Conheça algumas cervejas dos 32 países que estão na Copa do Qatar

Fã de futebol, inglês monta coleção com 32 cervejas dos países participantes da Copa do Mundo Fifa no Qatar.

Publicidade

A Copa do Mundo Fifa 2022, que acontece no Qatar, começou no último dia 20 de novembro e vai até o dia 18 de dezembro de 2022. No total, 32 seleções de futebol, representando seus respectivos países, lutam para sagrar-se campeão do mundo.

E em nenhuma outra Copa do Mundo, a cerveja foi um assunto tão comentado por todos. Isso porque no dia 18 de novembro, faltando apenas dois dias para o início da competição, o governo do Catar decidiu proibir a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nos arredores dos estádios onde as partidas estão sendo disputadas.

Publicidade

Essa decisão pegou de surpresa a Fifa, organizadora do mundial de seleções de futebol, e a Budweiser, que desembolsou US$ 75 mi (setenta e cinco milhões de dólares) para ser a cerveja oficial da competição. Essa decisão também enfureceu alguns torcedores.

Você viu? Torcida equatoriana protesta gritando “queremos cerveja” durante o jogo de abertura da Copa

Publicidade

Em razão disso, apenas alguns estabelecimentos estão autorizados a vender cerveja nesse país do Oriente Médio. Um dos locais em que se pode comprar e consumir cerveja é na Fifa Fan Fest, que começa a partir das 19h, onde o copo com 500ml de cerveja saindo por mais de R$ 70.

Alheio a toda essa polêmica, o torcedor inglês Gus Hully viralizou nas redes sociais ao mostrar sua “seleção” de 32 garrafas de cerveja dos países que disputam a Copa do Mundo do Catar.

Gus, de 32 anos e morador de Londres, comprou, com a ajuda de amigos, as 32 garrafas de cerveja, cada uma representando o país participante. Ela repetiu a façanha que ele próprio havia feito há quatro anos, na Copa da Rússia.

Publicidade

No caso do Brasil, a cerveja escolhida foi a Antarctica Original. Em 2018, tinha sido a vez da Skol ser a representante brasileira. O motivo? “Elas foram as escolhidas porque foram as únicas cervejas brasileiras que encontrei em Londres!”, explicou Gus.

Saiba mais: 5 cervejas recomendadas para quem gosta da Brahma Duplo Malte

A bebida que representa o Qatar, país anfitrião da Copa do Mundo, é uma cerveja sem álcool, feita à base de melão. Mesmo sendo sem álcool, deu trabalho para encontrar.

Publicidade

Faça parte da comunidade cervejeira que mais cresce no Brasil:


E como ele decide qual cerveja beber primeiro?

Para isso, ele segue um ritual. À medida que uma seleção é eliminada, em abre e bebe a cerveja representante do país. A próxima semana promete ser bastante agitada, já que metade das seleções já começam a voltar para casa.

Por motivos óbvios, Gus torce para que a última cerveja que ele abra seja a da Inglaterra. E abra para beber comemorando o título, segundo ele. A Inglaterra conquistou o título em 1966, jogando em casa.

Veja a relação com os países e suas respectivas cervejas da coleção de Gus (em ordem alfabética):

  • Alemanha: Spaten Oktoberfest
  • Arábia Saudita: Hillsburg Honey
  • Argentina: Quilmes
  • Austrália: Cooper’s Red Ale
  • Bélgica: Chimay Blue
  • Brasil: Original
  • Camarões: Beaufort Light
  • Canada: Moosehead
  • Coreia do Sul: Cass
  • Costa Rica: Imperial
  • Croácia: Karlovacko
  • Dinamarca: Faxe
  • Equador: Pilsener
  • Espanha: Estrella Galicia
  • EUA: Miller High Life
  • França: Kronenbourg 1664
  • Gana: Club
  • Holanda: Bavaria
  • Inglaterra: Camden Hells
  • Irã: Istak
  • Japão: Hitachino Red Rice Ale
  • Marrocos: Casablanca
  • México: Modelo
  • País de Gales: Bale Lager
  • Polônia: Tyskie
  • Portugal: Super Bock
  • Qatar: Fizzin Melon
  • Senegal: La Gazelle
  • Sérvia: Lav
  • Suíça: 1936
  • Tunísia: Celtia
  • Uruguai: Patricia

Veja também: Black Friday e Copa do Mundo trazem promoções de cerveja

Compartilhe

Compartilhe essa notícia com todos os seus amigos e siga o site Clubedocervejeiro.com nas redes sociais para ficar sempre por dentro das novidades.

Leia também

Voltar para a página inicial

Publicidade